Fé na Aruanda

por PARI-c
07 Dezembro 2021
Nota de Pesquisa

Sinopse - Maria Coruja – Suindara Pataxó –, mestra dos saberes espirituais tradicionais de seu povo e moradora da aldeia Pará, na Terra Indígena Barra Velha (Bahia), nos apresenta sua aruanda, o altar e o templo sagrados onde conduz seus rituais. Ela nos conta como vivencia e vem analisando o período em que o mundo tem vivido a pandemia da COVID-19.

CRÉDITOS
Entrevistada: Maria Coruja - Suindara Pataxó
Direção, Fotografia e Edição: Vanuzia Pataxó
Roteiro: Vanuzia Pataxó e Spensy Pimentel
Vinheta PARI-cine:  Ziel Karapotó
Pesquisa: Victor André M. de Miranda e Japira Pataxó
Legendas: Eloise De Vylder
Assessoria de Comunicação: Cristiano Navarro
Coordenação: Spensy Pimentel

Pesquisa: Respostas Indígenas à COVID-19 no Brasil: arranjos sociais e saúde global.
A PARI-c (www.pari-c.org) é uma ferramenta de comunicação da pesquisa Respostas Indígenas à COVID-19 no Brasil: arranjos sociais e saúde global. A pesquisa, que se desenvolve ao longo de 2021, é realizada inteiramente de forma remota, e conta com uma rede de pesquisadores indígenas e não indígenas em todo o território brasileiro, e visa entender como os povos indígenas estão vivenciando a pandemia da COVID-19.
www.pari-c.org.br - Twitter: https://twitter.com/pari_c19